Avaliação de Conceitos Básicos

Home/Avaliação de Conceitos Básicos
Avaliação de Conceitos Básicos 2013-07-19T22:23:10+00:00

  Avaliação de Conceitos Básicos

Avaliação de Conceitos Básicos (ACB) é uma ferramenta de triagem, criada para auxiliar nas avaliações das habilidades de conceitos básicos das crianças. Desenvolvida por fonoaudiólogas certificadas, o ACB utiliza a tecnologia para envolver os clientes, avaliando simultaneamente as suas habilidades preparatórias escolares. Perfeita para todos os níveis do pré-escolar até o final do ensino primário, ACB avalia as habilidades de conceitos necessárias à pré-leitura e cálculo. A Avaliação de Conceitos Básicos com certeza será um ótimo aplicativo para o fonoaudiólogo atarefado, professor, pais ou responsável.

Como Utilizar

Na página inicial o facilitador tem a opção de adicionar um usuário, administrar uma triagem, ir para a área de suporte ou para a área de relatórios. Quando um usuário é inserido ou selecionado e um novo teste é selecionado, o facilitador tem a opção de administrar a Triagem Completa ou a Triagem Rápida. A Triagem Completa com 79 questões, tem uma duração de 10 a 15 minutos. A Triagem Rápida tem 30 questões e tem uma duração de aproximadamente 5 minutos. As duas triagens avaliam os conceitos de idades variadas.

Quando a triagem é administrada, cada solicitação de conceito é apresentada com quatro imagens mostrando as possíveis respostas. O toque na imagem seleciona a resposta da criança com uma borda quadrada. Quando a tecla “próximo” é tocada, aparece uma nova tela com um novo conceito e escolhas de imagens. Deverá ser fornecida uma resposta em todas as telas. A qualquer momento, um toque na tecla “finalizar” encerrará a sessão, trazendo o usuário para o centro de relatório.

 

Coleta de Dados

Para ler o relatório de um determinado usuário, toque no botão “ver relatório”. O cabeçalho do relatório fornece informações básicas como, nome, idade, total de acertos e de tentativas, porcentagem total e total não testado. Desta maneira, o facilitador será capaz de visualizar rapidamente como o cliente pontuou.

O corpo do relatório contem uma narrativa e uma tabela, fornecendo informações específicas sobre o desempenho do cliente. Além do percentual total correto, o relatório será dividido por tipos de conceitos (exemplo: comparativo, espacial, temporal e quantitativo) e por idade (exemplo 3, 4, 5 ou 6 ). O relatório fornece uma lista dos conceitos que foram respondidos corretamente, incorretamente e não testados. Finalmente, o relatório é capaz de fornecer uma distribuição em gráfico por conceitos e idades. Este gráfico permite ao facilitador e ao cliente, uma rápida visualização do tipo de conceito que é dominado, emergente ou não alcançado. Os relatórios são mantidos para cada sessão, garantindo a facilidade do monitoramento do progresso e de todos os dados exportados para o TRC. O relatório também pode ser impresso ou enviado por email.

 

 

Objetivo

O aplicativo “Avaliação de Conceitos Básicos” (ACB) foi desenvolvido com o objetivo de avaliar e descrever as habilidades de conceitos básicos das crianças. Uma compreensão dos conceitos básicos é fundamental para os alunos seguirem as instruções, desenvolvendo habilidades de leitura e de cálculo. A ACB é administrada individualmente para estabelecer uma linha de base dos conceitos básicos que estão incorretos.

A ACB explora o conhecimento de conceitos: espacial (localização), quantitativo (número), comparativo (descrição) e temporal (tempo) de uma criança. Conceitos básicos fortalecem o vocabulário e são fundamentais para a compreensão curricular precoce (Seifert & Schwartz, 1991). No momento que a criança inicia a primeira série, ele ou ela deve ter um entendimento da maioria destes conceitos (McLaughlin, 1998). As crianças necessitam uma compreensão completa dos conceitos básicos para fazerem comparações, classificações, solucionarem problemas e sequenciarem. As crianças que não entendem os conceitos básicos, provavelmente terão dificuldades, não só com o dia-a-dia das atividades acadêmicas, como leituras e cálculos, mas com atividades extracurriculares, como a prática de esportes (Boehm, 2013). O reconhecimento e a recuperação precoces das dificuldades de uma criança com os conceitos básicos podem reduzir o impacto educacional.

A Avaliação de Conceitos Básicos pode ser utilizada para:

  • Coletar informações sobre as habilidades de conceitos básicos de um indivíduo
  • Dados suplementares de uma avaliação de linguagem padronizada
  • Avaliar a eficácia do tratamento e de crescimento das habilidades ao longo do tempo
  • Comparar o desempenho do aluno com alunos do mesmo nível de ensino
  • Auxiliar clínicos e educadores a escolha das áreas de desenvolvimento de habilidades visando à resposta à intervenção
  • Auxilia determinando como o aluno poderá realizar avaliações em sala de aula e os resultados
  • Auxilia a determinar um transtorno ou atraso de linguagem
  • Identificar os alunos que podem ter risco de distúrbio de aprendizagem

 

Resposta à Intervenção

A ACB foi projetada para ser utilizada como uma ferramenta de triagem. Uma parte necessária do processo da intervenção é a identificação dos alunos que podem não ter as habilidades fundamentais necessárias para a alfabetização e cálculo. A ACB é uma ferramenta de Triagem Rápida que pode ser administrada a todos os alunos para a comparação do desempenho de idade ou do nível de ensino.

 

Avaliação de Conceitos Básicos from Smarty Ears on Vimeo.

 

Fontes

Boehm, A. (2013) Basic concepts as building blocks to school success. Pearson Assessments; Retrieved from: http://images.pearsonclinical.com/images/Assets/Boehm-3Preschool/Boehm_White_paper_RPT.pdf

McLaughlin, S. (1998) Introduction to language development. San Diego, CA. Singular Publishing Group, Inc.

Ellis, L., Schlaudecker, C., & Regimbal, C. (1995), Effectiveness of a collaborative consultation instruction with kindergarten children. Language, Speech, and Hearing Services in Schools, 26, 69-74.

Seifert, H., & Schwarz, I. (1991) Treatment effectiveness of large group basic concept instruction with head start students. Language, Speech, and Hearing Services in Schools, 22, 60-64.

%d bloggers like this: