Avaliação de Fonologia e Articulação do Português

Home/Avaliação de Fonologia e Articulação do Português
Avaliação de Fonologia e Articulação do Português 2012-11-01T19:49:18+00:00

O Avaliação de Fonologia e Articulação do Português (AFAP) é uma adaptação do aplicativo em Inglês “Sunny Articulation Phonology Test” que foi desenvolvido em 2009 pela fonoaudióloga Barbara Fernandes com o propósito de avaliar as habilidades fonológicas do Inglês. O AFAP tem por sua vez avaliar  qualitativamente os padrōes da produção de fala do Português Brasileiro. Através da avaliação pode-se mais facilmente descartar ou explicar em detalhes os erros observados pela criança, bem como os erros específicos. Esta avaliação é para ser considerada como parte de uma avaliação discurso completo para incluir: medidas de inteligibilidade, e considerações para a idade de aquisição de cada fonema. O AFAP foi adaptado por Bárbara Fernandes e Simone Lopes- Herrera e publicado também pela Smarty Ears. O AFAP pode ser utilizado com indivíduos de todas as idades. O AFAP é compatível com o iPad rodando iOS 5.0 ou superior.

Usos

O Avaliação de Fonologia e Articulação do Português (AFAP) pode ser usado para:

– Coletar informações sobre as habilidades de articulação de um indivíduo;
– Complementar dados de uma medida padronizada de articulação;
– Fornecer evidências sobre a presença ou ausência de um distúrbio articulatório;

– Examinar o progresso na terapia ao longo do tempo;

Areas avaliadas no AFAP

O AFAP ajuda na obtenção de um quadro completo das habilidades de um cliente em relação aos sons da fala através da avaliação e análise de erros de acordo com articulação e fonologia. Um paciente pode ter dificuldades com o movimento dos mecanismos de fala para produzir um som (articulação), com o en- tendimento e a aplicação das regras fonológicas corretos ou padrões para a produção de (fonologia), ou uma combinação de ambos. Uma compreensão dos tipos específicos de erros feitos por uma criança irá resultar em um plano de intervenção que podem atingir mais apropriadamente deficiência da criança discurso subjacente.

Video

%d bloggers like this: